Mia Couto: Idade

Idade 

Mente o tempo:
a idade que tenho
só se mede por infinitos.
Pois eu não vivo por extenso.
Apenas fui a vida
em relampejo do incenso.
Quando me acendi
foi nas abreviaturas do imenso.

Mia Couto, em “Vagas e lumes”. Lisboa: Editorial Caminho, 2014.

Fonte: Templo Cultural Delfos

Deixe uma resposta