Uma nova rede para os povos do mar

Rede Mangue Mar Brasil surgiu em encontro reunindo 50 pessoas de 13 estados na Bahia e defenderá alternativas sustentáveis que combatem vulnerabilidade das populações da zona costeira. Com Agência Adital e Redação Consciência.Net.

Agência Consciência.Net; clique aqui

Após seis anos de articulações, os povos do mar criaram a Rede Mangue Mar Brasil, pela defesa de alternativas sustentáveis que combatem a vulnerabilidade das populações da zona costeira. A consolidação da rede surgiu logo no seu I Encontro, entre os dias 10 e 13 de dezembro em Acupe, Santo Amaro (região do recôncavo da Bahia), reunindo 50 pessoas de 13 diferentes estados brasileiros.

Desde 2001, movimentos de pescadores, ONGs e povos do mar trabalhavam em conjunto pela defesa de mangues e ambientes marinhos. A articulação foi se fortalecendo com o passar dos anos, realizando-se em 2006 seminários e reuniões em diferentes cidades sobre a importância da criação de uma Rede que lutasse por políticas públicas voltadas para a Zona Costeira.

A Rede busca fortalecer as lutas dos povos do mar, mangues e da costa brasileira, denunciar agressões ambientais, valorizar e respeitar os saberes a favor da sustentabilidade; alertar a sociedade sobre a relação direta entre desigualdade social e ambiental, entre outros argumentos ligados à resistência dos povos do mar. Ainda se propõe a criar campanhas, monitorar políticas e investimentos voltados para a zona costeira e difundir práticas sustentáveis.

Além disso, as pessoas que vivem próximas das restingas vêm sofrendo com os impactos negativos relacionados à expansão de projetos industriais, que desrespeitam a importância dos ecossistemas marinho-costeiros, além de gerar turismo predatório e usar técnicas de extrativismo e criação de camarão (carcinicultura) que agridem esses ecossistemas, sem falar na poluição química e industrial, entre outros danos contra o meio ambiente.

Os pescadores vêm sofrendo também com a apropriação inadequada de seus canais de representação. Combatendo essas atividades, a Rede Mangue Mar surgiu para defender a criação de novas Unidades de Conservação de uso sustentável, a implementação efetiva dos planos e conselhos previstos no Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC) e uma gestão democrática e plenamente participativa.

A Rede Mangue Mar Brasil tem uma importante ligação com a Rede Latinoamericana para a Defesa dos Ecossistemas Marinho-Costeiros e da Vida Comunitária (Redmanglar internacional), pois desde 2001 alguns partícipes da rede brasileira intercambiam informações e denúncias, fortalecendo as lutas locais e regionais dos povos do mar. Os idealizadores enfatizam que não vão substituir o papel de ONGS ou Associações, mas sim ampliar as lutas ambientais.

Informações:
Telefone – Érika (71) 3240-6822
Email – solerika@gmail.com ou araca@riseup.net

_______________________________________
Lembre-se que você tem quatro opções de entrega: (I) Um email de cada vez; (II) Resumo diário; (III) Email de compilação; (IV) Sem emails (acesso apenas online). Para cancelar, responda solicitando. [www.consciencia.net]

Deixe uma resposta