Nas ruas e no Parlamento, PT defende justiça para Lula e “fora Bolsonaro”

Em pronunciamento no plenário da Câmara dos Deputados, a deputada federal (PR) e presidenta nacional do PT destacou o aniversário de 75 anos, a história e o legado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e cobrou a abertura do pedido de impeachment de Jair Bolsonaro. Da tribuna, Gleisi destacou o legado de Lula na área de saúde e nos demais setores da vida nacional – áreas social, econômica e na defesa da soberania nacional. Ela cobrou justiça para Lula, denunciando a condenação sem crime e sem provas por parte do ex-juiz Sergio Moro.

Em duro pronunciamento, a presidenta do PT advertiu para a necessidade da Câmara se posicionar sobre os vários pedidos de impeachment de Bolsonaro que tramitam no Congresso Nacional. Entre os muitos crimes já cometidos, Gleisi destacou a posição do líder da extrema-direita de impedir o acesso ao povo brasileiro à vacina contra o Covid-19. “Quanto mais tempo nós vamos esperar esse irresponsável atentar contra o povo e o Brasil”, questionou. “É preciso parar Bolsonaro, que empurra o povo à morte”, alertou.

 

Homenagens no Brasil e no exterior

Acompanhando a posição e o sentimento da presidenta nacional do PT, militantes e ativistas políticos no Brasil e  no exterior foram às ruas nesta terça-feira para celebrar o aniversário de 75 anos de Lula. As atividades, que também tomaram conta das campanhas eleitorais, coloriram as ruas de dezenas de cidades, com bolos, bandeiras, bonecos e discursos. Os registros fotográficos nas redes sociais traduzem a dimensão da importância e da presença de Lula na vida política, social e afetiva dos brasileiros. Logo pela manhã, o aniversário do ex-presidente já era o principal destaque mundial no Twitter.

 

Programa especial para Lula

Lula completa 75 anos e, diante da responsabilidade com o isolamento social em função do coronavírus, a comemoração foi pela internet. Um programa especial irá ao ar a partir das 18h30 com depoimentos de amigos, familiares, artistas e uma entrevista especial com o aniversariante.

O especial contará com histórias contadas por lideranças políticas que vivenciaram diversos momentos com Lula, como a ex-presidenta Dilma Rousseff, o ex-ministro Fernando Haddad, o ex-diretor geral da FAO José Graziano e os jornalistas Fernando Morais e Ricardo Kotscho. E também por familiares de Lula.

As eleições de 1989, 1994 e 1998 também terão suas histórias contadas por quem as vivenciou ao lado de Lula. E para falar sobre a perseguição política e jurídica, participam a advogada Valeska Zanin e o jurista italiano Luigi Ferrajoli.

Os cantores Aline Calixto, Marcelo Jeneci, Tereza Cristina e Flávio Renegado vão entoar algumas das músicas prediletas de Lula. Os amigos Chico Buarque, Odair José e José de Abreu também mandaram recados ao aniversariante. Por meio do Instituto Lula, centenas de vídeos foram encaminhados ao ex-presidente desejando os parabéns, enviados de todo o Brasil.

O programa foi pensado e está sendo organizado pelo PT, Comitê Lula Livre e suas entidades e Instituto Lula.

 

 

(27-10-2020)

Deixe uma resposta