TV Globo deve pagar R$ 250 mil de indenização a juiz

A TV Globo deve pagar indenização por danos morais no valor de R$ 250 mil por publicar reportagem em que um magistrado do Mato Grosso sofria acusações de venda de sentença. A decisão é da 4ª Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Em setembro de 1999 o Jornal Nacional, da TV Globo, publicou reportagem em que o juiz Leopoldino Marques do Amaral denunciou outros magistrados por venda de sentença. Entre os denunciados estava o então juiz Manoel Ornellas de Almeida. Segundo a defesa da TV Globo, a reportagem com as acusações do juiz só foi publicada porque Leopoldino Amaral foi assassinado com dois tiros na cabeça, quatro dias após conceder a entrevista à emissora. O assassinato ocorreu em 7 de setembro de 1999. Nota do Última Instância.

Deixe uma resposta