Cabo de guerra

tvHá coisa de dois meses, a Anatel resolveu que para uma empresa ter operação de TV a cabo não precisará mais vencer um processo de licitação. Terá apenas que pedir a outorga e demonstrar capacidade finaceira e técnica para manter a operação no ar que ganhará a concessão e poderá ir em frente. Basicamente, isso ajuda às teles, que há muito tempo procuram uma forma de ter oeprações de TV paga a cabo (algumas já têm por DTH), algo que é o pesadelo dos radiodifusores tradicionais. A esperança das teles era (é ainda) o PL-29, mas como esse anda a passos de tartaruga manca, a Anatel adiantou-se e definiu pela abertura ampla, geral e irrestrita das outorgas (…)

O Mito Mercado – Ensaio III

Andei deixando um pouco minhas aspirações ao estudo mítico do deus “Todo Poderoso” Mercado, mas sabe como são as velhas paixões, invariavelmente, no silêncio das novas, nossas memórias percorrem aquelas imagens carregadas de valor simbólico…