Rio de Janeiro, cidade olímpica, 27 de abril de 2013

As imagens registradas aqui mostram diversas — e gravíssimas — violações de diferentes direitos humanos.

E ninguém é processado, julgado ou punido.

Já está mais do que claro qual é o legado social dos megaeventos — uma cidade que não ouve ninguém a não ser os empresários. Autoridades pagas pela população para jogar bombas em crianças, jovens e adultos pelo simples fato de reivindicarem direitos — o tal direito a manifestação, consagrado em qualquer legislação existente, nacional ou internacional.

Um dos policiais deixa transparecer que quem era manifestante estava sendo preso. Não contentes, prendem agora jornalistas. De modo totalmente ilegal e, repito, mais uma notável e flagrante violação dos direitos humanos.

Eu tenho vergonha de viver em uma cidade como o Rio de Janeiro. E a mesma vergonha de quem elegeu gente dessa categoria.

Deixe uma resposta