Operação do Ministério Público e da Polícia Civil do Rio prende 19 suspeitos de fraude

Na Agência Brasil

Quatro grupos que supostamente fraudavam licitações e desviavam verbas públicas em 17 municípios no estado do Rio de Janeiro foram desarticulados em operação deflagrada hoje (24) pelo Ministério Público do estado com o apoio da Secretaria de Segurança Pública. A operação Uniforme Fantasma envolveu 170 policiais da Delegacia de Repressão às Ações do Crime Organizado (Draco), além de agentes da Coordenadoria de Combate à Sonegação Fiscal e da Coordenadoria de Segurança e Inteligência do MP.

Estima-se que o prejuízo aos cofres públicos supere R$ 100 milhões. Dos 28 mandados de prisão contra políticos, servidores públicos e empresários, expedidos pela Vara Criminal de Magé, no norte fluminense, 19 já foram cumpridos hoje. Constam na lista um ex-prefeito de Magé que se encontra foragido e seis secretários municipais de outros municípios, entre eles, a ex-secretária de Ação Social de Magé Renata Tuller e a atual secretária de Fazenda também de Magé, Núcia Cozzolino, irmã da prefeita do município, Núbia Cozzolino. Leia na matéria de Fabíola Ortiz, Agência Brasil.

Deixe uma resposta