Mais uma vítima da violência policial será homenageada hoje, dia 20, em missa de 7º dia

Felipe dos Santos Correia de Lima, 17 anos, foi morto no dia 14 de abril, terça-feira passada, na Maré. Moradores do local também organizam uma manifestação em defesa da vida, nesta terça-feira, dia 21. A concentração será às 10 horas, na rua 17 de fevereiro (rua do Bob’s).

Hoje, dia 20 de abril, às 18 horas, na Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, na entrada da Maré, será realizada a missa de 7º dia de falecimento de Felipe dos Santos Correia. O jovem foi morto com um tiro na cabeça por policiais, na localidade da Baixa do Sapateiro, na Maré, na terça-feira passada.

A polícia alegou troca de tiros, mas os moradores do local que presenciaram o fato afirmam que houve uma execução. Segundo o relato deles, Felipe estava na porta de casa quando policiais desceram de um veículo tipo blazer, de cor branca, e atiraram. Felipe estava de costas conversando com amigos e quando caiu no chão a polícia impediu que as pessoas próximas o socorressem.

Familiares e amigos de Felipe e também outros moradores da Maré irão à missa hoje com camisetas estampadas com o rosto do jovem. A população está indignada com mais essa demonstração da violência a qual está submetida a população pobre do Rio.

Na semana passada, após o enterro, os moradores fizeram uma manifestação e foram violentamente dispersos pela polícia, a princípio com bombas de efeito moral, gás de pimenta e, posteriormente, com tiros.

Apesar da iminência de mais violência, os moradores insistem em não ficar calados diante da situação e organizam outra manifestação para terça-feira, dia 21. A concentração será às 10 horas, na rua 17 de fevereiro (rua do Bob’s).

A população da Maré solicita que os veículos de imprensa estejam presentes tanto hoje, na missa, quanto na manifestação de amanhã. Eles acreditam que a presença da imprensa possa inibir situações de excesso por parte da polícia.

Missa de 7º dia:

Hoje, dia 20, às 18 horas, na Igreja Nossa Senhora dos Navegantes. Rua Luiz Ferreira, 217 (uma rua depois da escola Bahia, no início da Avenida Brasil).

Manifestação:

Amanhã, dia 21, concentração às 10 horas, na rua 17 de fevereiro (rua do Bob’s), na Maré.

Mais informações:

  • Gizele Martins (9708-4304)
  • Renata Souza (9963-2081)

Deixe uma resposta