Lula: soberania é contraditória com a subserviência

No dia em que o presidente Jair Bolsonaro, em viagem a Dallas, no Texas, bateu continência à bandeira norte-americana e trocou o slogan de seu governo, durante um discurso, para “Brasil e Estados Unidos acima de tudo”, gerando uma onda de críticas nas redes sociais, o ex-presidente Lula manda uma mensagem importante em defesa da soberania, por meio do ex-chanceler Celso Amorim e do ex-ministro Bresser Pereira, que o visitou na prisão em Curitiba nesta quinta-feira 16.

O economista Bresser Pereira disse ter ficado muito feliz com o convite de Lula para visitá-lo e manifestou a preocupação do ex-presidente com a questão da soberania do Brasil. “Não precisa se dizer nada para o Lula, ele é quem está ensinando já a respeito de soberania. Está muito claro para ele que o Brasil precisa hoje de uma união maior, e que o Brasil está sendo violentamente atacado, a sociedade está sendo violentamente atacada”, relatou.

“Então é preciso que nós, brasileiros, não só o PT e não só a esquerda, nos defendamos contra isso. E a soberania é isso, não só a ideia de desenvolvimento econômico. É preciso também defender a educação, a saúde, a América do Sul”, prosseguiu o ex-ministro.

“Eu acho que essa é uma mensagem que vem na hora certa e eu vi ele fazendo isso com uma disposição e uma firmeza impressionantes. E o Brasil precisa de líderes como ele. O Lula é o maior líder que o Brasil já teve depois de Getúlio Vargas”, declarou ainda.

Os dois foram a Curitiba como representantes do projeto Brasil Nação, que defende a soberania nacional. Celso Amorim destacou em sua fala “o ponto central na questão da soberania”, de acordo com Lula. “Está muito claro para o presidente Lula que os problemas sociais do Brasil não serão resolvidos se não formos um país soberano, se o país não tiver as rédeas do seu próprio destino. Por isso ele se preocupa muito com a educação, que está sendo brutalmente atacada”.

“Mas ele tem uma preocupação que é ampla: a soberania não é contraditória com a solidariedade, mas sim é contraditória com a subserviência a uma potência estrangeira, que infelizmente é o que a gente tem assistido hoje. Essa é a grande preocupação dele”, finalizou.

Fonte: Brasil 247

https://www.brasil247.com/pt/247/sul/393621/Lula-soberania-%C3%A9-contradit%C3%B3ria-com-a-subservi%C3%AAncia.htm

Um comentário sobre “Lula: soberania é contraditória com a subserviência”

  1. Pingback: Lula: soberania é contraditória com a subserviência – LiberaPensado

Deixe uma resposta