Estudantes de posgraduação apoiam aos professores federais em greve

Carta de Apoio À Greve Dos Professores

A greve dos professores das Universidades Federais por uma educação pública, gratuita e de qualidade e pela valorização docente tem tido grande aceitação nacional. Segundo o Comando Local de Greve – UFPB, a greve dos professores já conta com adesão de 48 universidades em todo o país.

Na UFPB, a adesão da categoria docente, desde o dia 17 de maio, tem sido acompanhada por diversas atividades com envolvimento dos segmentos estudantil e técnico administrativo, além de atividades que visam aproximar o debate sobre as atuais condições do ensino público superior à sociedade. Pretende-se com isso, a união de bandeiras unitárias comuns a todos os segmentos, localmente.

Por seu turno, as pós-graduações têm sido historicamente um reduto onde as cobranças de instituições de fomento, têm exercido pressão para a não adesão deste segmento às lutas por melhorias na educação nas instituições de ensino superior. Exemplo disso, no Programa de Pós-Graduação de Serviço Social da UFPB (PPGSS/UFPB) há aqueles professores que aderiram à greve, enquanto outros, não.

Enquanto pós-graduandos, observamos que não há como descolar as reivindicações por melhorias nas condições de trabalho e ensino dos cursos de graduação, daquelas dos cursos de pós-graduação. Identificamos nos programas de pós-graduação as mesmas precariedades que atingem a educação universitária, a exemplo de estrutura, e deficiências no ensino. Essa situação inevitavelmente vem impactando nas formas que vem sendo direcionadas as praticas de pesquisas cientificas da pós-graduação, revelando uma lógica produtivista, pouco comprometida com a qualidade e com a transformação da realidade.

Com isso, os mestrandos do PPGSS/UFPB, reunidos no dia 31 de maio, expressam total apoio a greve nacional dos docentes da UFPB (de graduação e de pós-graduação) e deliberaram ausentar-se das aulas, em solidariedade à greve dos professores. Orientamos a participação dos mestrand@s nas atividades programadas pelo Comando Local de Greve propostas pela categoria, pois enxergamos esse momento histórico como propício para discussão sobre as atuais condições dos programas de pós-graduação em nossa universidade.

Sem mais,

Mestrandos e Mestrandas do Programa de Pós Graduação de Serviço Social – Universidade Federal da Paraíba

Fonte: ADUFPB-JP

http://www.adufpb.org.br/carta-de-apoio-a-greve-dos-professores/

Deixe uma resposta