Do 8 de Janeiro

Outro bandido adiante
Apunhalou As Mulatas
Que ali pousavam pacatas
Em uma obra marcante
Do pintor Di Cavalcanti
Artista muito aclamado
Mas a partir de um mandado
O golpista entrou em cana
Pra ver que na Terra plana
O sol vai nascer quadrado

Martim Assueros
19/1/2023

Um comentário sobre “Do 8 de Janeiro”

Deixe uma resposta