Águas de Niterói comete crime hediondo

Caros e queridas, boa tarde. Escrevo para informar que a Águas de Niterói decidiu religar a água na casa da minha mãe, o que foi feito domingo, dia 11 de julho de 2010. Muito obrigado a todos que se solidarizaram conosco.
Um grande abraço,
Marcelo

***
Eu acuso a empresa Águas de Niterói, que opera no Rio de Janeiro, de cometer um crime hediondo. Um crime contra a vida. E me sinto muito à vontade para fazer essa denúncia, mesmo que a vítima seja a minha mãe. Por um motivo muito simples: eu faria a mesma coisa por qualquer outra pessoa que estivesse nessa situação, aliás, como tenho feito desde que fiz o seguinte juramento em troca do diploma de Jornalista profissional: “A Comunicação é uma missão social. Por isto, juro respeitar o público, combatendo todas as formas de preconceito e discriminação, valorizando os seres humanos em sua singularidade e na luta por sua dignidade”.
O fato é que a empresa privada ÁGUAS DE NITERÓI cortou a água na casa de minha mãe. Motivo: ela se recusou a pagar uma conta superfaturada emitida pela empresa, no valor de 800 reais. Quando essa conta absurda chegou, ela não pegou o telefone. Ela foi até a empresa. Aliás, ela foi duas vezes. Lá chegando, explicou que essa conta estava errada, porque o valor médio gasto por mês é 100 reais. A empresa reconheceu o erro e refez a conta: 500 reais, o que continuou muito acima do valor médio. Minha mãe se recusou a pagar novamente, sobretudo porque o motivo do aumento da conta foi um vazamento numa obra realizada pela própria empresa. A ÁGUAS DE NITERÓI disse que entraria em contato, por telefone. Não entrou. Em vez disso, mandou um aviso por escrito, com a ameaça de corte.
Minha mãe se manteve firme e acionou a Justiça. Apesar do câncer que a consome há um ano e meio, ela não se vergou diante das ameças dessa empresa covarde. (pra quem não sabe, minha mãe tem câncer no pulmão com metástase no cérebro. Ela fez duas cirurgias no ano passado, mas infelizmente o câncer voltou este ano: cinco nódulos nos pulmões).
Nesta sexta-feira, dia 9 de julho de 2010, a empresa ÁGUAS DE NITERÓI enviou os algozes, que cortaram o fornecimento de água. Importante: minha mãe avisou à empresa que estava em meio a um tratamento de câncer. E enquanto os funcionários da empresa estavam em sua casa, cortando o fornecimento do bem mais elementar para a vida, a água, minha mãe estava fazendo mais uma sessão de quimioterapia. Ela lutando pela vida, a empresa cortando o acesso à água. Está tudo documentado, temos o registro médico e o laudo do oncologista. Imaginem vocês. Para uma pessoa com a saúde em perfeito estado já é um tanto complicado imaginar a vida sem água. E uma pessoa com câncer, que tem uma série de restrições e necessidades especiais! A legislação brasileira garante a isenção de diversos impostos para pacientes com essa doença, como Imposto de Renda, IPVA, IPTU, entre outros. Está mais do que evidente que o fornecimento de água jamais poderia ser interrompido.
Hoje, sábado, por volta das 16h30, telefonei na ÁGUAS DE NITERÓI. Falei com uma funcionária que se identificou como Simone Diniz e a ligação durou entre 15 ou 20 minutos. Expliquei a ela toda a história, inclusive que a empresa havia desligado a água da casa de uma pessoa que faz tratamento para câncer. Que o desligamento ocorreu no mesmo dia da sessão de quimioterapia. Disse e repeti que minha mãe quer pagar a conta, no valor justo, mas que isso tem de ser feito com a água ligada. Pedi três vezes para a empresa religar a água, o que foi negado. O número do protocolo informado foi 303964. Ela disse que não pode fazer nada até que a conta seja paga.
Eu gostaria muito de saber se a ÁGUAS DE NITERÓI vai pagar pelos tranquilizantes que estão sendo adicionados às inúmeras drogas para combater o câncer que minha mãe está sendo obrigada a tomar. E também se essa empresa poderá ser responsabilizada judicialmente caso o estado de saúde de minha mãe venha a piorar por conta de todo o estresse que ela vem passando com as ameaças e o corte de fornecimento de água.
Caros amigos, queridas amigas, esse é um dos momentos em que venho pedir a ajuda de vocês. Repassem essa mensagem, espalhem pelo twitter, telefonem para a empresa, digam aos funcionários o tamanho do crime que está sendo cometido. Para nós o mais importante é que o fornecimento de água seja restabelecido imediatamente. Se vocês pressionarem, talvez eles se deem conta do erro e religuem a água, principal elemento da vida. Vida, algo que parece não estar entre as prioridades das empresas privadas.
O telefone da ÁGUAS DE NITERÓI é 0800 723 1222.
O telefone da AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS (empresa que regula as fornecedoras no país): 61.2109-5400.
Muito obrigado,
Marcelo Salles

18 comentários sobre “Águas de Niterói comete crime hediondo”

  1. Pingback: Tweets that mention :: Fazendo Media: a média que a mídia faz :: » Águas de Niterói comete crime hediondo -- Topsy.com

  2. Marcelo, que absurdo é este? estou estarrecido com sua história e sou solidário a sua luta. Coloque esta empresa desumana na justiça, inclusive responsabilizando criminalmente o gerente operacional que ordenou o corte. ABSURDO.
    boa sorte, abraços
    @flavionep

  3. Marcelo, entre imediatamente na justiça, solicitando ao juizo de plantão uma liminar para religamento da água de sua mãe. Peça na ação, além do reconhecimento do valor correto a ser pago, indenização por perdas e danos pela humilhação que sua mãe está passando. A liminar sai a qualquer hora e a empresa tem que cumpri-la imediatamente.

  4. Pingback: Águas de Niterói comete crime hediondo | Revista Consciência.Net: acesse a sua.

  5. marcelo, absurdo isso. e pelo pouco que pude conhecer da sua mãe ele deve estar muito firme nessa situação. exigir o seu direito apesar de todas as complicações que passa no momento com sua saúde.
    amanha vou ligar para as águas de niterói e vou dar o número do protocolo para fazer uma pressão mas acho mesmo que a justiça tem ser acionada logo para essa água ser religada e assim ter o fornecimento restabelecido. mas a briga na justiça deve continuar para reparar esse dia sem água e de transtorno…
    força amigo e estamos na luta tb
    bjs

  6. Caros e queridas, boa tarde. Escrevo para informar que a Águas de Niterói percebeu o grave erro cometido e religou a água na casa da minha mãe, hoje, domingo, dia 11 de julho de 2010. Muito obrigado a todos que se solidarizaram conosco.
    Um grande abraço,
    Marcelo

  7. Oiew meu amigo!! além de fazer um divulgação por e-mail a uma lista mediana de contatos (2 centenas) liguei pra saber do caso! fiquei feliz com o resultado e desejo melhoras a sua mãe e parabenizar pela atitude frente a empresa! o meu protocolo de atendimento foi 305685. um abraço!

  8. Sou solidária a sua mãe e ao problema que atinge milhares que é o superfaturamento e a mercantilização da água. No entanto, fraternalmente, eu gostaria de apontar algumas coisas. O FM é um veículo de esquerda alternativo que se propõe a denunciar os fatos e fugir do modelo hegemônico da mídia burguesa, porém identifico no discurso um tom carregado de sensacionalismo com adjetivações que assustam e até distorcem o mérito da denúncia. Outro ponto é divulgar o nome da funcionária, pq antes de ser jornalista, eu já fui atendente de call center e, infelizmente, estes trabalhadores só repetem o discurso dos patrões… Mais uma vez, a repetição do discurso hegemônico. Enfim, são algumas ponderações que faço e vida longa ao FM! Também ligarei para pressionar

  9. Parabéns Marcelo por enfrentar a privataria demotucana, o FM é uma grande ferramenta nesta luta!
    Mas apesar de terem cedido, ainda cabe processo por perdas e danos.
    Saúde à mamae!
    abs

  10. Há meses a caixa dágua da vizinha entorna água em meu muro dia e noite, já pedimos de todas as maneiras pra ela desligar e nada. Já ligamos pra águas de niterói e somos informados que nada consta neste endereço(a ligação é clandestina) por isso não podem fazer nada. A vizinha no diz que não adianta reclamar pois que ela conhece todo mundo na empresa. Quando passamos por ela faz cara feia “pra não dar confiança”. Minha parede esta toda mofada, o desperdício é absurdo e a distribuidora só alega que a conta não está em meu nome embora esteja em dia e pague mais do que os que abusam do bem maior da vida que é a água. Não sei mais o que fazer. A quem devo recorrer?

  11. Mercenários! Infelizmente vivemos nas mãos destes seres inhumanos. Cadê a consciência dos diretores desta empresa? Dúvido se algum parente desta corja ficaria em uma situação desta.
    A vc e sua mãe ofereço uma prece que os céus a deem força para lutar e se recuperar.
    Um abraço e sua mãe é um exemplo para o “nosso povinho”.
    Abç

  12. Marcelo esse é o preço da PRIVATIZAÇÃO, eles só pensam em dinheiro, água é saúde, não pode ser tratado como mercadoria, a CEDAE só cobra pelo serviço, agora imagine só, Aguas de Niteroí Compra água a R$ ,0,52 e vende por mais de 300% , quando Niteroí foi PRIVATIZADO o Povo acho otimo, o povo de Niteroi mesmo com todos os problemas da CEDAE era feliz e não sabia.

  13. Prezado Marcelo, um grande abraço e que o Altíssimo ti dê forças.
    Eu acredito que o melhor a fazer é convocar r o maior número possível de simpatizantes ao caso e se colocar diante das portas da empresa, tentar convocar alguma rede de tv a nível local (Nessas horas eles aparecem) para cobrir o protesto, levar faixas coisas assim. Esse tipo de gente não tem valores éticos e só se retrai quando avançamos com força.
    Eu estou vagando pela internet e onde posso reclamar dessa empresa medonha eu estou fazendo.
    Boa sorte

  14. minha mae esta passando pela mesma coisa,todo mes vem uma conta de 900 reais. ja reclamou ,ja esteve la na agua de niteroi, ja mandaram funcionarios em casa, e eles dizem a gente que nao tem vazamento. depois a companhia de agua nos liga e diz que o mesmo funcionario disse que a um vazamento ;ja vieram 4 funcionarios aqui.minha mae tem 77 anos ,teve um infarto grave,e é cardiopata. isso é um absurdo.

Deixe uma resposta