Transcarioca: Moradores da rua Domingos Lopes resistem à remoção

A Transcarioca será um corredor expresso de ônibus que ligará a Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio, ao aeroporto internacional. Contudo, no seu caminho, várias famílias estão sendo removidas arbitrariamente pela prefeitura e suas construtoras e empreiteiras contratadas.

Próximo ao Largo do Campinho, moradores da rua Domingos Lopes estão sendo ameaçados de remoção sem nenhum tipo de indenização. Segundo eles, nem ao menos o aluguel social foi oferecido às famílias, muitas delas nascidas e criadas no local.

Muitos dos moradores já sofrem com problemas físicos e psicológicos. Entretanto, todos se mostraram inconformados com o tom da prefeitura e preparados para resistir. Um deles sofre de distrofia muscular nos membros inferiores e, além disso, tem uma enteada com síndrome de down. Ele protestou contra o autoritarismo da prefeitura.

Depois do desmanche do Núcleo de Terras da Defensoria Pública do Rio e a intensificação dos ataques dos tratores da prefeitura, moradores de favelas e bairros pobres ameaçados de remoção levantaram-se para a luta. Pelo tom dos moradores durante a visita de nossa equipe, na rua Domingos Lopes e no Largo do Campinho, moradores estão dispostos a resistir contra a demolição de suas moradias e exigem uma resposta imediata da prefeitura.

Deixe uma resposta