O golpe de milhões da Tickets for Fun (T4F) no Rio de Janeiro

Alguns dos fãs de Dave Matthews Band, O Rappa, Incubus e SOJA, que tocarão no Brasil Summer Break Festival sofreram um belo golpe da empresa “Tickets for Fun” que pode chegar a milhões de reais.

As pessoas que compraram o ingresso antecipadamente — e muito! — pagaram um determinado valor para assistir o show na Apoteose, centro do Rio. No meu caso e no de uma grande amiga, 325 reais pela meia entrada da pista “premium” (vide imagem). É caro, mas, fãs de carteirinha que somos da banda, topamos.

Nesta sexta-feira (22/11), a surpresa: a empresa mudou não só o local (vai ser no Citibank Hall) como cobrará agora, pelo mesmo ingresso, 200 reais.

Ou seja: quem comprou antecipadamente, prestigiando o evento, pagará 125 reais a mais!

A empresa informou que reembolsa caso a pessoa não queira mais ir, mas aqueles que compraram bem antes os tickets — todos, reunidos, juntos, cada um — vão financiar 125 reais a mais do que a empresa julga necessário para a realização do show no novo espaço, fazendo com que o lucro da “Tickets for Fun” e da produção do evento suba para as estrelas.

Por telefone, a atendente me informa que “foi a produção que fixou o preço” — como se a Tickets for Fun não fosse a prestadora direta do serviço, com seu CNPJ — e que o preço atual é “uma promoção”, curiosamente bem depois de ter mudado o espaço do evento.

Imagine uma campanha da empresa por vendas antecipadas: “Compre o quanto antes e pague apenas 125 reais a mais por isso por um ingresso com preços já exorbitantes!”

Parabéns, produção! Um show de desrespeito ao principal responsável pelo evento: as pessoas!

(Comente no Facebook clicando aqui)

Deixe uma resposta