Nos minúsculos gestos deixo inscritos fortes traços do mundo que anuncio

Convenções regem o mundo dos humanos

As “contraintes” moldando sua conduta

O seu ser se aliena e se transmuta

E, sem causa, enrijecem, então, seus planos

Sonhos puros se tornam levianos

Ao sabor do momento é seu feitio

Quando à vista, age bem; mas, só, vazio

Feliz é quem deslinda quaisquer mitos

Nos minúsculos gestos deixo inscritos

Fortes traços do mundo que anuncio.

Sendo assim, meu viver se densifica

Cada ato reflete a vida plena

A Utopia persiste em cada cena

Muito embora, em escala ´inda nanica

Se no campo, curtindo banho de bica

Se na chuva ao andar, ou vendo o rio

Se aos pobres eu vivo arredio

Ou se meus também faço os seus gritos

Nos minúsculos gestos deixo inscritos

Fortes traços do mundo que anuncio.

Deixe uma resposta