Eduardo Marinho: Crônicas e pontos de vista

Nos finais de semana, quem passa pelo Largo dos Guimarães em Santa Teresa, bairro que é um dos berços da arte no Rio de Janeiro, vê por ali ilustrações em exposição numa parede. São as ilustrações  do artista plástico Eduardo Marinho, que agora lança o seu mais novo trabalho. Eduardo Marinho – Crônicas e pontos de vista, da Editora Navilouca Livros.  Uma reunião dos textos mais profundos e comentados pelos mais de 2 mil seguidores do blog Observar e absorver. http://observareabsorver.blogspot.com/ O Blog conta suas experiências de vida na estrada e expressa suas opiniões acerca de política, sociedade, mídia, religião, economia e o cotidiano no qual todos nós estamos inseridos. O diferencial de seus textos são a clareza e a objetividade de suas conclusões. As crônicas são repletas de ensinamentos que convidam ao debate sobre questões muito importantes para qualquer leitor, seja ele rico ou pobre, de esquerda ou direita, liberal ou conservador. A certeza é a de que após esta leitura, ninguém será indiferente aos meandros de nossa sociedade.
Eduardo Marinho nasceu em uma tradicional família de classe média e foi educado para ter uma vida “normal”: estudar, trabalhar, casar e servir ao país. Mas com o amadurecimento, o autor começou a se questionar porque nossa sociedade é tão injusta, excludente e hipócrita. Nessa época, início da juventude, vieram os conflitos, o constrangimento diante dos empregados que serviam a sua classe social – os subalternos, a sensação de não pertencer àquela realidade. O resultado foi o afastamento, a família permaneceu no seu patamar, ele desceu ao chão da sociedade, pôs os pés na estrada e fez o seu caminho sem volta.

O inicio do ano de 2011 o Fazendo Media o entrevistou, onde foi abordado toda a sua trajetória de vida e sua forma de expressão. http://fazendomedia.org/%E2%80%9Ca-arte-brota-espontaneamente-em-qualquer-lugar%E2%80%9D/
O lançamento do livro será dia 5 de dezembro às 20 horas.
Espaço Convés – Rua Cel. Tamarindo, 137, Gragoatá
Niterói
Infos: Entrada franca. Bar no local.
O lançamento tem a parceria do Movimento Arte Jovem Brasileira –

Deixe uma resposta