Anjo Malaquias de volta à cena

De volta à cena, o poético documentário teatral sobre a vida e a obra do poeta gaúcho Mario Quintana

Elogiado por público e crítica em sua bem sucedida temporada teatral no Rio de Janeiro – que lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Shell na Categoria Especial pelo roteiro, além de passagens pelo Festival de Teatro de Curitiba e itinerância por diversos estados brasileiros, o espetáculo Anjo Malaquias – uma biografia teatral onírica sobre a vida e obra de Mario Quintana – está de volta aos palcos cariocas no Centro Cultural Justiça Federal. A nova temporada estréia em 12 de janeiro, sempre às quarta e quintas-feiras às 19h e tem ingressos a R$ 25,00 (inteira).

Anjo Malaquias, há quatro anos em cartaz, põe em primeiro plano a vida e a obra do consagrado poeta gaúcho Mario Quintana (1906-1994) através de um roteiro costurado a quatro mãos pela escritora gaúcha Eloi Calage (musa de Quintana) e por Afonnso Drumond.  A direção é de Delson Antunes (com a supervisão de Camilla Amado). O cenário (de Afonnso Drumond) contribui de maneira especial para o clima de encantamento proposto em Anjo Malaquias: uma carroça poética que, sobre rodas, carrega móveis, objetos e adereços que complementam cada história ou poema narrados. O poema Anjo Malaquias surge na parte final do espetáculo, contando um milagre de Nossa Senhora ao salvar das garras do monstro o garoto prestes a ser devorado que começa a voar com “asinhas na bunda”.

Anjo Malaquias: Afonnso Drumond e Fabricio Polido. Foto: Marco Antonio Gamboa

Afonnso Drumond, que está em cartaz no mesmo teatro com Navegar é Preciso, um espetáculo que tem a poesia de Fernando Pessoa como ponto central da encenação – celebra a possibilidade de promover uma verdadeira “maratona da poética teatral” no teatro carioca: “Sem dúvida, é uma grande oportunidade poder mostrar numa mesma temporada e num mesmo teatro, concomitantemente, dois trabalhos de nossa produtora, sendo os dois trabalhos em linguagem poética, com dois grandes autores da língua portuguesa e praticamente a mesma equipe de criação, configurando um novo diferencial no cenário cultural carioca na temporada do verão/2011”.

“Acredito no sucesso desta dupla temporada no CCJF que, inclusive já nos propôs também uma participação no dia 25 de janeiro na biblioteca do Centro com um debate sobre os dois poetas e atividades paralelas para escolas e grupos da terceira idade” finaliza Afonnso.

ServiçoANJO MALAQUIAS

Sinopse: um poético documentário teatral sobre a vida e a obra de Mario Quintana (1906-1994). O universo íntimo do poeta gaúcho é representado através de imagens, canções e muita poesia.

Temporada: De 12 de janeiro a 24 de fevereiro (quartas e quintas-feiras, sempre às 19h)

Local: Centro Cultural Justiça Federal. Avenida Rio Branco, 241 – Centro. Tel: 3261-2550.

Ingresso: R$ 25,00 (inteira) | R$ 12,50 (meia-entrada)

Duração do espetáculo: 75 minutos | Classificação etária: 10 anos

Ficha Técnica

Elenco: Afonnso Drumond e Fabrício Polido | Autor: Mario Quintana | Roteiro: Eloi Calage e Afonnso Drumond | Direção Geral: Delson Antunes | Direção de movimento: Luciana Bicalho | Direção musical: Daniel Belquer | Supervisão: Camilla Amado | Iluminação: Jorginho de Carvalho | Figurinos e Adereços: Ney Madeira | Concepção de cenários: Afonnso Drumond | Supervisão cenográfica: Ney Madeira | Realização: Da Personna

Informações para a Imprensa

Márcia Vilella | Diego Cotta – Target Assessoria de Comunicação

21 2284 2475 | 8158 9692 | 8158 9715 – target@target.inf.br

críticas

“Trata-se, na verdade, de uma mistura bastante eficiente de recital com espetáculo biográfico… o recital e a poesia se equilibram e se completam para criar uma experiência teatral adorável…”

Jefferson Lessa, O Globo, RJ

“…Afonnso Drumond mostra, com dicção clara e interpretação direta ao dizer os poemas, como alcançar a emoção da platéia.”

Macksen Luiz, Jornal do Brasil, RJ

“O espetáculo, intitulado Anjo Malaquias, é uma caixinha de surpresas. Os que amam poesia irão se surpreender com esta obra artesanal. Os que não se preocupam com poesia podem refazer seus conceitos e conhecer essa jóia. Será uma experiência enriquecedora.”

Ida Vicenzia, Jornal do Commércio, RJ

“Mesclando versos, depoimentos e textos em prosa, “Anjo Malaquias” presta um sereno e delicado tributo a Quintana.”

Lionel Fischer, Tribuna da Imprensa, RJ

“O 17º. Festival de Curitiba vem superando a expectativa de qualidade… Mario Quintana também esteve em alta nos primeiros dias do Festival por causa da peça Anjo Malaquias, montagem do Rio de Janeiro protagonizada por Afonnso Drumond, que encantou o público pela força das palavras do poeta e pela plasticidade da apresentação…”

Hélio Barcelos, Jornal do Comércio, Porto Alegre

“Se no ano passado já foi difícil decidir o que ver no Fringe, imagine agora que a mostra reúne 251 espetáculos. O Caderno G dá algumas dicas de peças que estão sendo apresentadas. A montagem carioca Anjo Malaquias foi indicada ao Prêmio Shell na Categoria Especial pelo roteiro costurado a quatro mãos…”

Gazeta do Povo, Curitiba

Deixe uma resposta