A mídia quer pôr fogo na crise do gás

A decisão do recém-eleito presidente da Bolívia, Evo Morales, de nacionalizar a exploração do gás e do petróleo de seu país ganhou cores catastróficas e sons de trovão na grande mídia, que caprichou na omissão, distorção, exagero e outros mecanismos que nada têm a ver com jornalismo sério.

Por Jornalistas Populares

Deixe uma resposta