Arquivo da tag: Respiração

Consciência a gente vê por aqui

No meio a um mundo em que prevalece frequentemente a aceitação acrítica de visões disseminadas pelos setores de poder

Prosseguimos numa tarefa miúda de voltar o olhar, a atenção, a ação e o sentimento, para a responsabilidade pessoal pela vida e pelas consequências dos nossos atos

A compreensão é libertadora, e esse é o nosso foco

“Ninguém liberta ninguém, ninguém se liberta sozinho ou sozinha. As pessoas se libertam umas às outras em comunidade, mediadas pelo mundo” (Paulo Freire)

Poucas palavras. Atenção ao sentimento. Foco nas emoções, naquilo que nos une como humanidade.

Discursos frequentemente escondem o afã de dominação. A visão se restabelece na brevidade de uma palavra, uma imagem, um som, uma canção, um abraço, um aperto de mão, um olhar.

Poesia é a preferência, por ir direto ao ponto

Criar mais do que consumir

Estes são alguns dos nossos valores norteadores

Aqui é um lugar para respirar.

Somos criaturas efêmeras. Que valha cada instante, cada segundo, todos os momentos!

Encadernemos a nossa vida no dia a dia, ano após ano, até nos apossarmos da totalidade da nossa experiência!

Me sinto acolhido aonde quer que eu vá

Começar o dia

Mal dormida ou bem dormida

A noite ficou para trás

Encadernada como um livro lido

Vou em frente

Subo as escadas dos degraus

As folhas do dia à minha frente

Respiro unido ao amor que me envolve e sustenta

Lendo poesia me leio humano

Me leio eu

Isto que está aqui escrito

Reescrito

Sobrescrito

O piso que piso é a minha segurança

Andando me tenho de volta como onda do mar

Que volta à praia

Desta forma me sinto acolhido aonde quer que eu vá

Ali estou contido nessa amorosidade que rodeia tudo que existe

Os sons do mundo me embalam

E nesse embalo do respirar sonoro

Namoro a lua de noite e o sol dos dias

Que me ilumina de dentro e em volta

Então tá.