Categorias
Questão agrária

NÃO permita os #DespejosDeNatal no Pará

Já pensou ter dia e hora marcados para sair à força de sua casa? Faltando alguns dias para o Natal, quando se celebra o nascimento do menino Jesus, pisca-piscas brilham e decoram árvores coloridas, aproximando toda a família no aconchego do lar. Mas as 300 famílias do Acampamento Hugo Chávez, no Pará, com seus 150 meninos e meninas, serão arrancadas de suas casas devido a uma liminar de despejo e jogadas em alguma beira de estrada, sem casa, comida ou acesso à escola.

Categorias
Brasil

Temido latifundiário e madeireiro do Sudeste do Pará é condenado a 12 anos de prisão pelo homicídio do sindicalista Dezinho em julgamento polêmico

Após 14 anos de luta, foi condenado pelo Tribunal do Júri do Pará o mandante do assassinato do sindicalista José Dutra da Costa, o Dezinho. O fazendeiro e madeireiro Décio José Barroso Nunes, o Delsão, foi sentenciado a 12 anos de prisão por crime de homicídio duplamente qualificado.

Categorias
Opinião

'A immigração japoneza na Amazonia'

Em meio a interesses econômicos e políticos, uma história de superação japonesa no coração do Pará.

Categorias
Opinião

'A immigração japoneza na Amazonia': em meio a interesses econômicos e políticos, uma história de superação japonesa no coração do Pará

‘A immigração japoneza na Amazonia’: em meio a interesses econômicos e políticos, uma história de superação japonesa no coração do Pará.

Categorias
Opinião

Serra Pelada, a ‘oportunidade brasileira de alta qualidade’ para o capital internacional

Empresa canadense e antiga diretoria corrupta de cooperativa desapareceram com 54 milhões de reais. Enquanto isso, garimpeiros mobilizados que tentam retomar seus direitos são reprimidos pelo Estado e ameaçados de morte.

Categorias
Campo Questão agrária

Serra Pelada, a ‘oportunidade brasileira de alta qualidade’ para o capital internacional

Empresa canadense e antiga diretoria corrupta de cooperativa desapareceram com 54 milhões de reais. Enquanto isso, garimpeiros mobilizados que tentam retomar seus direitos são reprimidos pelo Estado e ameaçados de morte.

Sair da versão mobile