Categorias
Cidadania Opinião

Eu, no mínimo, tomaria cuidado com um sujeito desses

As armas são instrumentos de perpetuação da violência. Em uma sociedade estatutariamente violenta, isto é ainda mais verdade, por conta deste mecanismo relacional. As pessoas são os sujeitos. São elas que matam – e aí vem o esquecimento proposital: também são as que morrem, e não as armas.

Categorias
Opinião

Eu, no mínimo, tomaria cuidado com um sujeito desses

Desde que Deus perdeu seu status de formulador único dos conceitos da maior parte das sociedades humanas, o sujeito (“Homem”, “ser humano”, “as pessoas”) é o centro de todas as atenções contemporâneas. No senso comum, a contraposição ao sujeito é o “objeto”. Na raiz latina (‘objectu’) ou alemã (‘Gegenstand’), é o que está posto adiante, […]

Sair da versão mobile