Categorias
Educação Mídia Memória & Consciência

O valor da vida

Sinto muito se algumas ou muitas pessoas Esqueceram das revistas Ou preferem espaços Onde as coisas já estão resolvidas. Da nossa parte, cumprimos com um papel educativo Suscitar a vida Estimular a liberdade Promover a criatividade Sacudir entorpecimentos Que poderiam nos levar a esquecer o valor da vida. (Os dias passam, as horas vão passando […]

Categorias
Cidadania Cultura Educação

Inventividade e rebeldia no labor artístico: Incidência na Educação Física.

A despeito de ainda reinar certa insensibilidade, em considerável parcela da população, em relação à força transformadora das Artes, múltiplos são os sinais emblemáticos do potencial criativo e mobilizador das Artes, em suas diferentes manifestações. Com efeito, são copiosos os exemplos da força revolucionária das Artes, ao longo dos séculos e em  todos os espaços. […]

Categorias
Educação Rio de Janeiro Saúde

Garota de Ipanema

Quantas vezes começa o dia? Quando começa o dia? Podemos ter-nos acostumado a pensar que o dia começa apenas quando o sol nasce. O sol nasce a todo instante Sempre que vemos algo que nos chama a atenção Uma flor, uma pessoa como a que ilustra esta nota. Criatividade a gente vê por aqui!

Categorias
Cultura Memória & Consciência

Um tributo ao repente e seus poetas

Um tributo ao repente e seus poetas   O universo da Arte é multiforme Pois o belo comporta muitas faces Eu duvido que isto tu negasses O Repente exige talento enorme Harmonia requer: nada é disforme O Repente é poesia nordestina A exemplo do Cordel, com que combina Têm raízes ibéricas, européias Que aqui floresceram […]

Categorias
Cidadania Educação

Eixos

Há dias em que apenas posso registrar o essencial O fundamental Aquilo em que a vida consiste O pertencimento que dá uma sensação de segurança e paz Acolhimento A identidade que redescubro quando escuto outras pessoas O passado que finalmente passa e se vai Vêm a plenitude da vida A ascensão do dia a dia […]

Categorias
Cidadania Cultura

Tem que acabar essa mania de matar

Guerras Assassinatos por nada e por qualquer coisa Instalou-se a banalidade da morte Isto não pode nem deve prosseguir O que é que a morte não pode matar? Temos que nos preguntar Neste ano eleitoral O que é que não queremos mais na política nem na sociedade? Queremos solidariedade? Ação construtiva? Apoio mútuo? Criatividade? Amor […]

Sair da versão mobile