Categorias
Opinião

Saber

Eu achava que sabia de muitas coisas. Hoje não sei mais de nada ou quase nada. E isto às vezes me entristece por ter aprendido a valorizar o conhecimento. No entanto, algo me diz que é melhor não saber do que achar que se sabe, quando não se sabe.

Por Rolando Lazarte

Sociólogo e escritor. Terapeuta Comunitário. Professor aposentado da UFPB. Membro do MISC-PB Movimento Integrado de Saúde Comunitária da Paraíba. Vários dos meus livros estão disponíveis on line gratuitamente: https://consciencia.net/mis-libros-on-line-meus-livros/

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Sair da versão mobile