Categorias
Opinião

PCC: O monstro mordeu a mão errada

Os recentes ataques do PCC em São Paulo cumpriram uma previsão de seus líderes. Em 2001, um manifesto da organização criminosa avisou que as prisões eram “fábrica de monstros”. Cinco anos depois, o monstro saiu às ruas e está atacando. Mas, os maiores responsáveis por sua criação estão longe de sofrer com isso. Dos Jornalistas […]

Os recentes ataques do PCC em São Paulo cumpriram uma previsão de seus líderes. Em 2001, um manifesto da organização criminosa avisou que as prisões eram “fábrica de monstros”. Cinco anos depois, o monstro saiu às ruas e está atacando. Mas, os maiores responsáveis por sua criação estão longe de sofrer com isso.

Dos Jornalistas Populares, exclusiva

Deixe uma resposta