Para advogado, absolvição de Lula ajudará a resgatar Estado de direito

Por Vitor Nuzzi

Cristiano Zanin reafirma que um julgamento justo só poderá resultar na confirmação da inocência de Lula. “Não há um documento, um depoimento, absolutamente nada”

O advogado Cristiano Zanin, defensor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, reafirmou ontem (18) à noite, durante ato de apoio à candidatura do petista, convicção quanto à solidez do caso quanto à inexistência de qualquer comprovação de atos ilícitos. “Não há um documento, não há depoimento, não há absolutamente nada. Se houver um julgamento justo e imparcial (no próximo dia 24), como devem ser todos os julgamentos, o presidente Lula terá reconhecida a sua inocência.”

Ele criticou a sentença em primeira instância, do juiz federal Sérgio Moro: “Uma sentença que não reflete a realidade dos fatos e que foi construída através de hipóteses e sofismas. Sobretudo em pré-julgamentos”. Segundo Zanin, o processo mostra que o recorrentemente citado apartamento em Guarujá esteve “desde sempre” em nome da construtora OAS.

“Lula não passou um dia, uma noite (no apartamento), e jamais recebeu a chave desse imóvel”, acrescentou o advogado, para quem o processo “é um instrumento inequivocamente utilizado para fins de perseguição política”, com uma série de irregularidades e arbitrariedades. “Vamos demonstrar mais uma vez que a acusação é absolutamente infundada e que o presidente Lula jamais agiu de forma ilícita.”

Zanin afirmou que uma absolvição “será um passo importante para resgatar o Estado de direito, que está tão comprometido nos dias atuais”.

(19-01-2018)

Fonte: Rede Brasil Atual

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2018/01/para-advogado-absolvicao-de-lula-ajudara-a-resgatar-estado-de-direito

Deixe uma resposta