Categorias
Mundo Saúde

OMS celebra Dia Internacional da Enfermagem no Ano Internacional dos Profissionais de Saúde

O Dia Internacional da Enfermagem é celebrado em todo o mundo a cada 12 de maio, aniversário do nascimento de Florence Nightingale, considerada a pioneira da enfermagem moderna. O tema para a campanha deste ano é “Enfermeiros: Uma Voz para Liderar – Visão para o Futuro da Saúde”. A importância da data é enfatizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que designou 2021 como o Ano Internacional dos Profissionais de Saúde e Cuidadores, em reconhecimento à sua atuação no enfrentamento da pandemia de COVID-19.

Em consonância, a Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) celebrou o Dia Internacional da Enfermagem por meio de um webinário, realizado em 11 de maio. Além de celebrar a data, o objetivo do encontro virtual era discutir a necessidade de proteger e investir em profissionais de enfermagem.

A organização também lançou a publicação Contribuciones de los profesionales de enfermería y de partería a la salud de las mujeres – Relatos de la Región de las Américas (em espanhol; as versões em inglês e português serão publicadas a seguir). Está disponível ainda o Infográfico sobre a situação da enfermagem nas Américas. Não deixe de assistir ao vídeo Perspectivas y contribuciones de la enfermería para promover la salud universal, uma colaboração do Centro Colaborador da OPAS/OMS em Enfermagem e Obstetrícia da Universidade de Illinois em Chicago e a OPAS.

Valorização da saúde – Os objetivos do Ano dos Profissionais da Saúde e Cuidadores vão ao encontro dos objetivos da campanha do Dia Mundial da Enfermagem 2021, como, por exemplo, “envolver os Estados Membros e todas as partes interessadas relevantes no diálogo sobre um pacto de cuidados para proteger os direitos dos trabalhadores de saúde e cuidadores, proporcionando condições e ambientes de trabalho decentes”; e “reunir comunidades, influenciadores, apoio político e social em solidariedade, defesa e cuidado aos profissionais de saúde e cuidadores”.

Para se aproximar desses objetivos, a OMS conta com o engajamento de organismos especializados, como o Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde, também conhecido pelo seu nome original Biblioteca Regional de Medicina (BIREME). Ao trabalhar para democratizar o acesso à informação, conhecimento e evidências em saúde, a BIREME contribui extensivamente com as campanhas globais e regionais.

Outra parceira da OMS na disseminação de informação é a Biblioteca Virtual em Saúde e Enfermaria (BVS Enfermagem), que seleciona, organiza e divulga o melhor da produção científica da área, para facilitar o acesso de profissionais, estudantes e tomadores de decisão em enfermagem às melhores evidências científicas.

Fonte: Nações Unidas – Brasil

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Sair da versão mobile