Categorias
Brasil Opinião

O Estado bandido e as “mulheres no tráfico”

A parafernália global que coloca o foco na favela não leva a nada, a não ser a erros e preconceitos, enquanto um estudo recente é um bom ponto de partida para se entender como combater e desarticular as verdadeiras redes de crime organizado, aquelas que, no final das contas, criam o sinistro sistema que mergulha […]

A parafernália global que coloca o foco na favela não leva a nada, a não ser a erros e preconceitos, enquanto um estudo recente é um bom ponto de partida para se entender como combater e desarticular as verdadeiras redes de crime organizado, aquelas que, no final das contas, criam o sinistro sistema que mergulha tantos jovens das favelas numa rotina de morte e violência.

Por Maurício Campos – Rede Contra a Violência.

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Sair da versão mobile