Categorias
Cultura Educação Memória & Consciência

Eixos humanos

Algumas anotações. Nenhuma novidade para quem trabalha ou vive do seu trabalho. Aposentados, aposentadas, em atividade. A vida é trabalho.

Distintos tipos de trabalhos estão a nos demandar, desde a nascença até o dia atual e nos seguintes. Criatividade e cuidado são as marcas do humano.

O respeito. Nos dias de hoje estas coisas pareceriam passadas de moda. Tudo é um clique. Um vômito. Um latido. Um escarro. Ladrões de colarinho branco, como se dizia antigamente, estão no topo das paradas de sucesso. A mediocracia está em festa. Festa macabra, diga- se de passagem.

Contudo, no entanto, todavia, porém, a vida continua a ser um percurso em que certos valores básicos essenciais e fundamentais não podem ser descuidados. Nenhum clique pode nos dar uma visão da história, memória, filosofia, educação, ciência, arte, família, solidariedade.

Tudo que é humano dá trabalho. A ideologia do clique não sei se criou ou exacerbou a sub-humanidade que antigamente fazia questão de se esconder. Agora se pavoneiam como se fossem não sei que excelência adquirida não se cabe como.

Repetem frases ocas, que aparentam profundidade pelo tom abrangente e solene com que são pronunciadas. “Isto tinha que acontecer”. “Nós tínhamos que passar por isto”. Tal superficialidade nada têm de sabia. Ao contrário, é uma exibição de vazio e descrença, fatalismo e submissão.

Aonde conduz este quadro de des-conhecimento? Não é segredo que a ignorância é a base de todos os males. Quanto mais autoritário e retrógrado um governo, mas ataca a educação. Precisam da imbecilidade. Idiotização.

Pessoas desconhecidas de si mesmas, do seu valor, sua história, potencialidades. Esta não é uma fala vazia. Nasce da continuidade de trajetórias antigas na história dos nossos países latino-americanos. Ampliar o acesso à educação pública em todos os níveis.

Conscientizar. Conscientizar. Conscientizar. É o que as ditaduras temem. Consciência é confiança, esperança na ação pessoal e comunitária. Saber da história que se faz em conjunto, no dia a dia, no cotidiano. Estes são os nossos eixos. Eixos humanos.

Deixe uma resposta