Categorias
Cultura

26ª edição da Via Sacra da Rocinha: a crucificação social do favelado

Responsável por promover o maior espetáculo teatral a céu aberto da cidade do Rio de Janeiro, a Cia de Teatro Roça CaçaCultura anuncia a realização da 26ª edição da Via Sacra da Rocinha, que acontecerá no dia 30 de março – com início previsto para às 20 horas no Largo do Boiadeiro, localizado na parte baixa da Rocinha.

Categorias
Cidades Rio de Janeiro

Dois anos de ocupação militar na Rocinha e a pacificação não aconteceu

Com a falta de propostas de políticas públicas, a comunidade começa a perceber que tudo não passou de um conto eleitoreiro, apoiado pelas grandes corporações midiáticas.

Dois anos de ocupação militar na Rocinha e a pacificação não aconteceu

Com a falta de propostas de políticas públicas, a comunidade começa a perceber que tudo não passou de um conto eleitoreiro, apoiado pelas grandes corporações midiáticas.

A falta de investimentos sociais e o seu reflexo negativo no desempenho do Brasil nos Jogos Olímpicos

A cada edição dos jogos olímpicos, que acontece apenas de quatro em quatro anos, os atletas em nosso país são lembrados e aparecem na mídia como possíveis heróis olímpicos, caso conquistem uma medalha…

Rocinha pacificada e fora da lei

A proposta de paz prometida aos moradores da Rocinha ainda não aconteceu. Pelo contrário, a falta de segurança está fazendo a comunidade refém do medo. Comerciantes passaram a ser vítimas de assaltos; esfaqueamento parece que virou solução para todas as desavenças (apesar de não se ler nenhuma linha nos jornais dando notícias desses acontecimentos); e disparos efetuados com pessoas feridas têm tirado o sossego de muitos moradores…

Rocinha à espera da paz

O fato é que a promessa de pacificação da Rocinha gerou otimismo na comunidade. Aurélio afirma que “a coisa boa da proposta de pacificação é a esperança que se renova”. E adverte sobre as possíveis perspectivas: “Não podemos nos iludir; não sabemos se esse acontecimento é um novo caminho que nos levara ao céu ou ao inferno”…

Sair da versão mobile